Opções

Ache fácil

Aula pública em homenagem à Revolta dos Búzios

 

Foi realizada, quarta-feira, 8 de novembro, na Praça da Piedade uma aula pública  em homenagem aos 218 anos da Revolta dos Búzios. A atividade foi organizada pela a Coordenação Nacional do Movimento Negro, com apoio da APLB-Sindicato. Também prestigiaram o evento diversas entidades do movimento popular, a professora Edenice Santana; o diretor de Imprensa da APLB Nivaldino Felix, representado o sindicato, e jovens do Movimento Levante Popular.

Houve  declamações  de poemas revolucionários. Em seguida, foi proferida uma aula  pelo decano militante do movimento da causa negra Gilberto Leal. No comando tivemos o professor Ademário Sena e Jussara Santana, ambos coordenadores da Conen.

A Revolta dos Búzios foi um dos principais acontecimentos, na história real do Brasil, organizado pelos negros de diversas nações africanas aqui escravizados, este movimento é uma demonstração inequívoca de que os negros nunca foram passíveis diante da escravidão, como aborda a literatura oficial. Foram sempre e são até os  nossos dias homens e mulheres valentes. Se esse movimento tivesse êxito a escravidão teria acabado muitos antes no Brasil.

 

Nivaldino Felix – diretor de imprensa

 

Top