Opções

Ache fácil

CNTE participa do V Congresso Mundial da IE

A presidente da CNTE e vice-presidente da Internacional da Educação (IE), Juçara Dutra Vieira, proferiu, dia 24 de julho, em Berlim, sede do V Congresso Mundial da IE, palestra sobre o papel dos sindicatos no século XXI, onde destacou a reestruturação do mundo do trabalho, o protagonismo dos sindicatos da educação, e a unidade da classe trabalhadora para as transformações sociais.

Já a professora Fátima Silva, secretária de relações internacionais da CNTE e representante regional da IE na América Latina, falou sobre o tema violência nas escolas e destacou os resultados das últimas pesquisas realizadas pela Confederação sobre o tema.

Congresso aprova moções de apoio a educadores latino-americanos

Berlim – Duas moções de solidariedade aos trabalhadores mexicanos e peruanos e de repúdio aos ataque contra os direitos humanos e sindicais por parte dos respectivos governos foram aprovadas, dia 25 de julho de 2007, durante o V Congresso Mundial da Internacional da Educação, realizado nesta cidade, por iniciatia das entidades latino-americanas, entre elas a CNTE.

A primeira exige do governo de Oaxaca e do governo do México que sejam libertadas todas as pessoas que foram presas nas diferentes etapas do conflito envolvendo sindicalistas e sociedade, e que seja procedida rigorosa investigação para que os assassinos e demais culpados por atos violentos sejam todos punidos. A moção exige, ainda, dos governos nacional e estadual, a abertura de negociações com a Seção 21 do SNTE (Sindicato mexicano de educadores), a fim de encontrar rápida solução para o conflito sindical e social do estado referido.

A outra moção aprovada dirigiu-se aos conflitos envolvendo educadores peruanos. E exige do governo daquele país a imediata e total libertação de todas as pessoas presas, sejam dirigentes e/ou educadores de base. O documento também destaca que nenhuma pessoa, detida ou não, deve ser submetida a processos judiciais em função da legítima defesa de seus direitos conquistados; que se suspenda a aplicação do decreto presidencial que dá vida à Lei de Carreira Pública dos Educadores e se convoque, de imediato, um diálogo real entre o Governo e o Sindicato SUTEP, legítimo representante dos/as educadores/as do Peru, para que se busque soluções de consenso frente a situação criada pela medida unilateral do Governo.

Top