Opções

Ache fácil

CORREIO DA BAHIA: Mais de 179 mil profissionais da educação não tomaram 1ª dose da vacina

O governo do estado anunciou que o retorno das aulas semipresenciais na rede estadual será no dia 26 de julho. Pelo menos 9 cidades da Bahia não têm condições de aderir à data e só querem o retorno após os professores tomarem a segunda dose da vacina contra a covid-19, assim como defende o Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras da Educação do Estado da Bahia (APLB-BA). Porém, existem 179.419 profissionais da educação que não tomaram ainda nem a primeira dose da vacina. 

Segundo a Secretaria Estadual da Educação (SEC), são 394 mil trabalhadores do setor, entre professores e outros profissionais da educação básica e do ensino superior, nas redes municipais, estaduais e privadas da Bahia, que devem ser imunizados. O vacinômetro da Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab), no entanto, indica que apenas 214.581 receberam a primeira dose. Ou seja, quase metade dos trabalhadores não tiveram o processo de imunização iniciado.  

Alguns gestores municipais reclamam da falta de recursos para o transporte escolar.

Top