Opções

Ache fácil

APLB apoia luta contra demissões de gestores do Colégio Raphael Serravalle

A APLB-Sindicato dos Trabalhadores em Educação repudia a atitude desumana e antidemocrática do governo do estado que além de exonerar o diretor, vice-diretor e secretária do Colégio Estadual Raphael Serravalle (CERS), nomeou para a substituição no cargo de diretora do colégio uma pessoa estranha à comunidade escolar. A Secretaria de Educação do Estado foi também insensível aos pedidos feitos pelo Colegiado Escolar de ao menos escolher o próximo gestor da escola. A APLB é contra essa atitude e sempre defendeu a eleição direta para diretores de escolas públicas com a participação da Comunidade Escolar, pais, mães, alunos e mestres no processo. “Se o diretor é eleito pela comunidade isso fortalece e melhora a Educação”, defendeu o coordenador-geral, Rui Oliveira.
Os trabalhadores em Educação realizaram um buzinaço, em forma de protesto, na frente da Escola Estadual Raphael Serravalle nesta terça-feira (31/08), contra as atitudes arbitrárias do governo do estado. A direção da APLB apoia essa luta. “Estamos do lado da categoria e não iremos medir esforços em atuar em favor da Comunidade Escolar”, concluiu Rui.

Acompanhe abaixo um vídeo do protesto:

Top