Opções

Ache fácil

Assembleia e caminhada dos educadores municipais, dia 1º de agosto

Em assembleia na manhã da terça-feira, 1º de agosto de 2017, os trabalhadores em Educação do município de Salvador aprovaram uma paralisação geral de 48 horas da categoria para os dias 2 e 3 de agosto. Os trabalhadores lotaram o Ginásio dos Bancários, nos Aflitos, para dizer NÃO à proposta de reajuste zero e ao descaso do Executivo Municipal em relação à concessão de direitos estabelecidos no Plano de Carreira da categoria. Além da paralisação, a assembleia aprovou um pacote de contrapropostas que será apresentado à Secretaria Municipal da Educação (SMED), já que esta não avançou nas negociações.

Após a assembleia, os trabalhadores saíram em caminhada até a Praça Municipal, com faixas, cartazes, carro de som e muita disposição para conscientizar a população sobre a situação da Educação em Salvador.

Fotos: Getúlio Lefundes|APLB-Sindicato

Top